Porto Alegre

VÍDEO: ao registrar protesto, fotógrafa de ZH é atingida por gás de pimenta por PM

Manifestação reuniu pessoas contra a decisão de suspender a mostra "Queermuseu"

Por Zero Hora 12/09/2017 - 21h27min · Atualizada em 13/09/2017 11h31min
Compartilhar:

Publicidade

A repórter fotográfica de Zero Hora Isadora Neumann foi atingida por um gás de um spray de pimenta enquanto registrava o protesto contra o fechamento da exposição Queermuseu: Cartografias da Diferença na Arte Brasileira, no início da noite desta terça-feira (12), em frente ao Santander Cultural, no centro de Porto Alegre. Ela fazia imagens da confusão entre manifestantes e Brigada Militar, quando um PM atirou o produto no rosto da jornalista. 

 Leia também
"Queermuseu": Santander devolverá dinheiro público de exposição
"Queermuseu": artistas divulgam abaixo-assinado pela reabertura de exposição
"Queermuseu": acusações de apologia e profanação não se aplicam à exposição fechada, dizem juristas   

O incidente ocorreu no fim da manifestação, que reuniu pessoas contra a decisão do Santander de suspender a mostra, acusada por entidades como Movimento Brasil Livre (MBL) de fazer apologia da zoofilia e da pedofilia, além de blasfemar contra símbolos religiosos. Duas pessoas acabaram detidas na manifestação.

Leia também
FOTOS: imagens da exposição "Queermuseu", cancelada após críticas nas redes
"Lei de incentivo não se propõe a julgar conteúdo de exposição", diz especialista
Quais são e o que representam as obras que motivaram as críticas à exposição

Compartilhar:

Publicidade