Sob pressão 

Edenilson vê torcedor "machucado" e reconhece responsabilidade maior do Inter na Série B

Volante vê necessidade de recuperar força do time atuando em casa 

Por ZH Esportes
17/07/2017 - 19h54min
Compartilhar:
Foto: Ricardo Duarte / Inter, Divulgação / Inter, Divulgação

O ambiente de pressão que envolve o Beira-Rio tem aumentado com o mau desempenho do Inter nos jogos em casa pela Série B. Após cada resultado ruim, o estádio tem sido palco de fortes protestos, que muitas vezes descambaram para a violência. Para Edenilson, a tensão tem a ver com o fato de que o torcedor e o clube estão "machucados" com o momento. O volante reconheceu que, por conta do tamanho do Inter, a responsabilidade colorada é maior do que a de seus adversários na competição.

Publicidade

— A gente tem de saber trabalhar com isso, sabe que está em um clube muito grande, bastante machucado, uma toricda bastante machucada. A gente deu uma melhorada, infelizmente o último jogo não mostrou isso. Temos de fazer melhor em casa, que é o que não temos feito desde o início do campeonato — afirmou, antes de completar:

Leia mais
Inter pede "jogo de paz" à torcida, mas prepara plano de contingência


— A gente é a maior equipe, em camisa e em história. Temos de saber nos impor, que a nossa responsabilidade é maior do que a dos outros. Tem de saber o peso que é jogar com o Inter a Série B e ter a responsabilidade de subir.

Questionado sobre as oscilações da equipe, Edenilson adotou discurso otimista e afirmou que ainda há tempo para uma recuperação.

— A gente está tentando corrigir os erros. Sabemos que nosssa campanha é abaixo do esperado, mas eu prefiro um time que oscile agora do que um que oscile no final. Temos de aproveitar enquanto há tempo, deixar a oscilação para trás e fazer os pontos, principalmente em casa — destacou.

O jogador ainda lamentou a derrota para o CRB, já que, de acordo com sua avaliação, as atuações contra Criciúma e Ceará mostraram evolução da equipe.

— A gente tem que retomar o nível dos dois jogos anteriores. Infelizmente a gente teve um deslize contra o CRB. Sabemos que erramos e, se você sabe que errou, está mais perto de acertar. Vamos fazer o possível para vencer e começar uma trilha de vitórias — concluiu.

Leia outras notícias sobre o Inter

Acompanhe o Inter no Colorado Gaúcha ZH. Baixe o aplicativo:

Android

iOS

*ZHESPORTES

Compartilhar:

Publicidade